Patrocinadores oficiais da Copa do Mundo

20/06/2010

A história de patrocínio nas Copas do Mundo começa no México, em 1970. Naquele ano, porém, as placas de publicidade não ficavam na lateral do campo, como é comum hoje em dia, mas no muro que separava a arquibancada do gramado. Já na Copa de 1974 as placas de publicidade foram para a lateral do gramado, embora em alguns jogos, também em 1978, existissem placas até na parte de trás do gramado, atrás dos gols.

Na Copa de 2002, uma novidade: a placa que fica no centro do campo passa a mostrar o nome da cidade em que ocorre a partida. E agora na Copa de 2010, mais uma novidade: as placas de publicidade passaram a ser eletrônicas. Assim, a publicidade fica muito mais flexível, alternando os patrocinadores que aparecem nas placas durante todo o jogo. A placa central, por exemplo, agora alterna entre os dizeres “2010 FIFA World Cup”, o nome da cidade e o nome do estádio. As marcas também ficam mais maleáveis. O McDonald’s alterna entre o nome da empresa e seu slogan “I’m lovin’ it”. A empresa automobilística sul-coreana Hyundai alterna entre a própria marca e a marca de outra empresa automobilística de sua propriedade,a Kia Motors e seu carro Kia Soul. E existem também as empresas que variam as marcas de acordo com a seleção que está jogando. A cervejaria Anheuser-Busch InBev coloca sua Budweiser como patrocinadora oficial da Copa no site da FIFA, aparecendo esta marca na grande maioria das partidas do Mundial. Mas nos jogos do Brasil, a marca que aparece é da cerveja Brahma; nos jogos da Argentina, a Quilmes; nos jogos da Holanda, a Jupiler; nos jogos da Alemanha, a Hasseröder; nos jogos do Japão, a Harbin Beer. Quase da mesma forma acontece com a empresa alimentícia Grupo Marfrig. Sua marca Seara aparece em todas as partidas, mas quando jogam determinadas seleções aparece acompanhada de outras marcas do grupo: Paty (Argentina, Paraguai e Chile), Moy Park (Holanda e Inglaterra), Pemmican (Estados Unidos).

Confira os patrocinadores de cada Copa do Mundo, desde 1982:

COPA DE 2010 – ÁFRICA DO SUL

Parceiros da FIFA
adidas
Coca-Cola – com as marcas Coca-Cola e Powerade
Emirates Airlines – com o slogan Fly Emirates (Voe Emirates)
Hyundai Kia Motors – com as marcas Hyundai, Kia Motors e Kia Soul
Sony – com o slogan Imagine football in 3D Sony make.believe
Visa – com a marca Visa e o site visa.com/football
Patrocinadores da Copa do Mundo
Anheuser-Busch InBev – com as marcas Budweiser, BudUnited.com, Brahma (jogos do Brasil), Quilmes (jogos da Argentina), Jupiler (jogos da Holanda), Hasseröder (jogos da Alemanha), Harbin Beer (jogos do Japão)
Castrol – com as marcas Castrol, Castrol Edge e Castrol Magnatec
Continental
McDonald’s – com a marca McDonald’s e o slogan I’m lovin’ it
MTN
Mahindra Satyam
Grupo Marfrig – com as marcas Seara, Paty (jogos da Argentina, Chile e Paraguai), Moy Park (jogos da Holanda e Inglaterra), Pemmican (jogos dos Estados Unidos)
Yingli Solar
Patrocinadores do país-sede
BP Africa (British Petroleum)
FNB (First National Bank)
Neo Africa
Prasa
Aggreko
Telkom

COPA DE 2006 – ALEMANHA

Parceiros da FIFA
adidas
Anheuser-Busch – com a marca Budweiser
Avaya
Coca-Cola
Continental
Deutsche Telekom – com a marca T.com
Emirates Airlines – com o slogan Fly Emirates
Fujifilm
Gillette
Hyundai
MasterCard
McDonald’s – com o slogan I’m lovin’ it
Philips
Toshiba
Yahoo!
Patrocinadores do país-sede
Energie Baden-Württemberg AG (EnBW)
OBI
Hamburg-Mannheimer Versicherung
Postbank
ODDSET
Deutsche Bahn AG

COPA DE 2002 – COREIA DO SUL /JAPÃO

adidas
Avaya
Budweiser
Coca-Cola
Fuji Xerox
Fujifilm
Gillette
Hyundai
JVC
MasterCard
McDonald’s
Philips
Toshiba
Yahoo!
Patrocinadores do país-sede
KT (Korea Telecom)
NTT (Nippon Telegraph and Telephone)

COPA DE 1998 – FRANÇA

adidas
Braun
Budweiser
Canon
Casio
Coca-Cola
Danone
EDS
Fujifilm
General Motors – com a marca Opel
Gillette
JVC
La Poste
Manpower
MasterCard
McDonald’s
Philips
Snickers

COPA DE 1994 – ESTADOS UNIDOS

adidas
Canon
Coca-Cola
EDS (antigo nome da HP – Hawlett-Packard)
Energizer
Fujifilm
General Motors – com as marcas Chevrolet, Opel, Pontiac e GMC Truck
Gillette
JVC
MasterCard
McDonald’s
Philips
Snickers
Sprint

COPA DE 1990 – ITÁLIA

adidas
Alfa Romeo
Alitalia
Budweiser
Canon
Carlsberg
Coca-Cola
Fujifilm
Grana Padano
Gillette
JVC
Mars
M&M’s
Philips
Radiocorriere TV

COPA DE 1986 – MÉXICO

Bata
Budweiser
Camel
Canon
Cinzano
Coca-Cola
Fujifilm
General Motors – com a marca Opel
Gillette
JVC
Philips
Seiko
Sport Billy

COPA DE 1982 – ESPANHA

Parceiros FIFA
Canon – com as marcar Canon cameras, Canon copiers e Canon calculators
Coca-Cola
Fujifilm
Gillette
Iveco
JVC
Metaxa Brandy
Seiko
Sport Billy
Winston
Patrocínios locais
Annabella Pavia
Caloi
Casas Pernambucanas (nos jogos no Brasil)
ellesse
Erdgas Heizung
Irge il Pigiama
Jeans Staroup
Rifle
River 90
Taurus Tyres
Vitasay / Doril

Anúncios

Petrobrás Brasileirão 2009

30/08/2009

Como previsto no Parágrafo Único do Artigo 6º do regulamento do Campeonato Brasileiro de 2009, “A CBF poderá negociar comercialmente a adoção de uma outra denominação para o troféu de campeão brasileiro, através de contrato com patrocinador específico”. Eis que a partir dessa 22º rodada do Campeonato Brasileiro, o torneio passa a se chamar “Brasileirão Petrobrás 2009”. A empresa petrolífera brasileira deixou de patrocinar o Flamengo há poucos meses atrás, num contrato que durava desde 1984 e agora investe no naming rights do principal torneio de futebol do país.

Petrobras2009

Naming rights ou direitos de nome, não é nada mais do que quando uma empresa resolve comprar ou alugar o nome de algum lugar ou evento, colocando o próprio nome da empresa ou de algum produto. Por exemplo, aqui em Belo Horizonte, o antigo Marista Hall se tornou Chevrolet Hall.

Não é a primeira vez que a Série A tem seu nome associado à de uma empresa. Em 2005, a Nestlé comprou os direitos do torneio, que se chamou “Taça Nestlé Brasileirão 2005”, sendo que o Corinthians, campeão daquele ano, além da tradicional taça do Campeonato Brasileiro, também ficou com a Taça Nestlé.

Nestle2005

O segundo torneio mais importante do país, a Copa do Brasil, esse ano, pela primeira vez também teve seu nome associado a uma empresa. A Kia Motors patrocinou o torneio, que se chamou “Copa Kia do Brasil 2009”.

Naming rights no futebol são comuns em torneios internacionais. Na Europa temos a Liga Sagres (1ª divisão portuguesa), Liga Vitalis (2ª divisão portuguesa), Carling Cup (a Copa da Liga Inglesa). Essa última, inclusive, tem seus nomes ligados a alguma empresa desde 1982. Na América do Sul temos a Libertadores, que entre 1998 e 2007 foi a “Copa Toyota Libertadores” e a desde o ano passado se chama “Copa Santander Libertadores. Dos torneios da Conmebol também temos a “Copa Nissan Sudamericana” e a “Recopa Visa Sudamericana”.

Talvez esse seja o primeiro passo para um campeonato brasileiro mais organizado, em padrão próximo ao europeu. Quem sabe um dia seja regra os clubes jogarem com numeração fixa, nomes dos jogadores nas costas, patch da competição na manga da camisa… Além, claro, de um calendário melhor ajustado, jogadores de melhor qualidade, estádios confortáveis e seguros.