Ustedes pongan huevos que ganamos

16/02/2011

Vendo uma reportagem apresentada pelo Sportv ontem, sobre os torcedores do Argentinos Juniors que vieram ao Brasil ver a partida contra o Fluminense, pela Libertadores, vi que a música que eles cantavam era muito parecida com uma música que a torcida do Boca Juniors cantava, quando tive o prazer de ir à Argentina, em 2009, e a oportunidade de ir a um jogo do próprio Boca, contra o Guaraní do Paraguai, e um do River Plate, contra o Nacional do Uruguai.

A música do Argentinos Juniors:

Vamos, Bicho, vamos
Ustedes pongan huevos que ganamos
Nosotros te seguimos alentando
Hasta ganar la Copa no paramos, Bicho vamos

Eis a música do Boca:

Vamos, Boca, vamos
Ustedes pongan huevos que ganamos
Vamos traer la Copa a la Argentina
La Copa que perdieron las gallinas, las gallinas

E o vídeo que gravei em La Bombonera:

Pois pesquisando, descobri que outras torcidas argentinas cantam a mesma música, mas adaptada para cada um:

Versão do River Plate:

Vamos Millonarios
ustedes pongan huevos que ganamos
Vamo’ a quemar los ranchos de la rivera
Vamo’ a quemar la Boca hasta que muera, hasta que muera

Versão do Estudiantes de La Plata:

Vamos, Pincha, vamos
ustedes pongan huevos que ganamos
Vamos traer la Copa a la Argentina
La Copa que perdieron los bosteros y las gallinas

Versão do Independiente:

Vamos, Rojo, vamos
ustedes pongan huevos que ganamos
Tenemos que ganar la Supercopa
Para que lloren todos los de Racing y los de Boca

Versão do Banfield:

Vamos el Taladro
ustedes pongan huevos que ganamos
vamo’ a quemar los ranchos de Chingolo
vamo’ a coger al grana porque es puto, porque es trolo

E por aí vai…

Pongan huevos = expressão que significa algo como esforçar-se, batalhar

Pequeno glossário: La Copa = Copa Libertadores; gallinas (galinhas) = apelido pejorativo da torcida do River; bosteros = apelido pejorativo da torcida do Boca; Bicho = apelido do Argentinos Juniors; Pincha = apelido do Estudiantes de La Plata; Rojo = apelido do Independiente; Taladro (broca, furadeira) = apelido do Banfield; Chingolo é uma localidade em Lanús, Buenos Aires – o Lanús é o principal rival do Banfield

Anúncios

Copa Bimbo 2010

20/01/2010

Troféu da Copa Bimbo Entre os dias 15 e 18 de janeiro foi realizada a segunda edição da Copa Bimbo, que ficou conhecida no Brasil como Torneio Verão. A competição novamente foi realizada em sua totalidade no Estádio Centenário, em Montevidéu, Uruguai. Novamente teve a presença dos dois principais clubes da capital uruguaia, Nacional e Peñarol. Mas dessa vez ao invés de Cruzeiro e Atlético Mineiro, foram convidados o Danúbio, também de Montevidéu, além do Nacional do Paraguai.

Na primeira fase, assim como no ano passado, o Nacional do Uruguai venceu o rival Peñarol, dessa vez por 6 a 5 nos pênaltis, após um empate em 0 a 0 no tempo normal. Na outra semifinal o Danubio goleou o Nacional do Paraguai por 5 a 2.

Na disputa pelo terceiro lugar Peñarol e Nacional do Paraguai empataram por 2 a 2 no tempo normal e os visitantes venceram por 3 a 1 nos pênaltis. Na final, houve embate entre o Nacional do Uruguai e o Danubio. O Danubio abriu o placar aos 33 do segundo tempo, gol de Diego Perrone. Mas aos 46 do segundo tempo o Nacional conseguiu o empate, com gol de Sergio Blanco. Mas dessa vez o Nacional, que perdeu a final do ano passado para o Cruzeiro, teve melhor sorte e venceu por 3 a 1 nos pênaltis, ficando com o segundo título da Copa Bimbo.

Os dois “Nacionais” vão disputar a Copa Libertadores 2010. O do Paraguai está no grupo 2, junto com São Paulo, Once Caldas e Monterrey. O do Uruguai no grupo 6, junto com Banfield, Deportivo Cuenca e Morelia.


Campeões pela América do Sul

22/12/2009

O mês de dezembro foi de decisão nos campeonatos nacionais em toda a América do Sul. Na maioria destes países, são disputados dois campeonatos por ano, geralmente chamados de Apertura e Clausura.

Independiente Medellín O Independiente Medellín venceu neste último domingo por 3 a 2 (placar agregado) o Atlético Huila na final da Copa Mustang II (ou Torneio Finalización) e se tornou o segundo campeão colombiano do ano de 2009. Foi o 5º título nacional do clube. O outro campeão do ano (Torneio Apertura / Copa Mustang I) havia sido o Once Caldas, em junho.

Banfield Na Argentina, o Banfield, apesar da derrota para o Boca Juniors por 2 a 0 em La Bombonera, sagrou-se campeão do torneio Apertura 2009, válido pela temporada 2009/2010. O clube terminou com 41 pontos contra 39 do segundo colocado, o Newell’s Old Boys. Foi o primeiro título nacional do clube alviverde.

No Brasil, na última rodada havia quatro equipes com chances de conquistar o título. Melhor para o Flamengo, que venceu o Grêmio no Maracanã e conquistou o seu sexto Campeonato Brasileiro, o que não acontecia desde 1992. O Flamengo terminou a competição com 67 pontos, dois a mais que Internacional e São Paulo.

Colo-Colo No Chile deu Colo-Colo, que venceu a Universidad Católica por 6 a 4 (placar agregado) nas finais do Torneio Clausura 2009 e conquistou seu 29º campeonato chileno. O outro campeão do ano de 2009 havia sido a Universidad de Chile, que conquistou o Apertura 2009 em julho.

Deportivo Quito No Equador, o Deportivo Quito venceu o Deportivo Cuenca por 4 a 3 (placar agregado) e conquistou a Serie A. Foi o quinto campeonato conquistado pela equipe. No Equador, assim como no Brasil, existe somente um campeonato nacional por ano, mas lá o campeonato acontece entre janeiro e dezembro.

Nacional do ParaguaiNo Paraguai, o Nacional somou 41 pontos, um a mais que o Libertad e conquistou o Torneio Clausura. Foi o sétimo título paraguaio do Nacional. O campeão do Torneio Apertura, o outro campeonato de 2009, havia sido o Cerro Porteño, em julho.

Universitario No Peru, este ano houve o fim do sistema de Apertura e Clausura. No Torneo Descentralizado, o Universitario venceu os dois jogos da final contra o Alianza Lima e conquistou seu 25º campeonato peruano.

No Uruguai e na Venezuela, acabaram os torneios Apertura da temporada 2009/2010, mas seus vencedores não são considerados campeões nacionais.